AS MELHORES ÁREAS DOS MELHORES DESTINOS

ONDE FICAR EM LISBOA, PORTUGAL

Onde ficar em Lisboa

Melhor lugar para se hospedar em Lisboa

A área de Lisboa com mais atrações turísticas é o centro histórico. Então, se você está se perguntando qual o melhor lugar para se hospedar em Lisboa e aproveitar a cidade ao máximo, certamente recomendamos ficar o mais perto possível do centro histórico.

 

Dentro do centro histórico de Lisboa, o bairro da Baixa é onde ficam os principais pontos de interesse para os visitantes. Como está assinalado no mapa, a Baixa é a área plana com ruas em quadrados perfeitos na parte inferior do morro onde fica o castelo. As ruas da Baixa têm uma enorme animação comercial e turística, apesar de manter a sensação típica da Lisboa antiga. As principais atrações que pode visitar na região da Baixa são a Praça dos Restauradores, a Praça do Rossio, a Rua Augusta, a Praça do Comércio e o Elevador de Santa Justa que leva ao Largo do Carmo.

 

A área de Baixa é a mais bonita da cidade, no entanto a oferta de hospedagem ainda não é muita. Assim, a Best Location Hotels recomenda que fique mais a norte, na parte moderna da cidade, mas ainda perto do centro histórico.

HOTÉIS COM MELHOR LOCALIZAÇÃO EM LISBOA
Hotel   PREÇO MEDIO
Hotel Portuense
Rua Das Portas De Santo Antão, 149-157
108€ - 121$
Hotel   PREÇO MEDIO
Browns' Downtown Hotel
Rua Dos Sapateiros 69-79,
153€ - 171$
Hotel   PREÇO MEDIO
Solar do Castelo
rua das Cozinhas, 2
283€ - 317$
Heritage Av Liberdade
Avenida da Liberdade, 28
297€ - 333$
Hotel   PREÇO MEDIO
Sofitel Lisbon Liberdade
Avenida da Liberdade, 127
214€ - 240$
Atlis Avenida Hotel
Rua 1º dezembro, 120
233€ - 261$
Hotel Avenida Palace
Rua 1º de Desembro, 123
245€ - 274$

 

Se você está interessado em saber onde ficar em Lisboa, também poderá estar interessado em saber onde ficar no Porto e onde ficar em Madri.

O centro histórico e o centro moderno da cidade

 

Lisboa, a capital e maior cidade de Portugal, tem uma localização privilegiada, ficando na foz do rio Tejo e com um clima ameno que a torna um mais quentes capitais europeias. Além disso, para aqueles que gostam de fazer compras, aqui também encontrará alguns dos maiores shoppings da Europa.

 

Ao ficar no centro histórico, você estará perto de quase todas as principais atrações da cidade. É importante distinguir entre o centro histórico, localizado perto do Rio Tejo, e o centro moderno, a norte.

 

A parte antiga de Lisboa é a Baixa que começa nas praças do Rossio e Restauradores, dois largos imponentes e incríveis que são obrigatórios para qualquer visitante. Aqui ficam dois dos hotéis de luxo assinalados no mapa: o Hotel Avenida Palace e o Atlis Avenida Hotel. A partir destas praças, você poderá caminhar até a Rua Augusta, o coração do centro turístico de Lisboa, com muito a oferecer como lojas de souvenirs, restaurantes e bares.

 

Entre os principais pontos de interesse da Baixa, destacamos o elevador de Santa Justa, elevador de ferro forjado que lhe dará uma vista incrível sobre a cidade quando chegar ao topo.

 

Você realmente poderá absorver Lisboa ao percorrer a Rua Augusta que termina no Arco do Triunfo que, por sua vez, dá acesso à Praça do Comércio com vista para o Rio Tejo. A sensação que se tem ao entrar nesta praça é indescritível, dado seu tamanho e vista de interminável horizonte no rio. Aqui ficam as sedes de vários ministérios e é o ponto de encontro para celebrações e manifestações de massa.

 

Para o leste fica a Sé de Lisboa, conhecida como Santa Maria Maior de Lisboa, a igreja mais antiga da cidade. No topo da colina, a 500 metros da Baixa, fica o Castelo de São Jorge, um dos monumentos mais conhecidos de Lisboa.

 

O centro moderno fica a uma curta distância do histórico, apresentando maior número de opções de hotéis. Seu ponto de partida para aqui chegar também é nas praças de Rossio e Restauradores, mas neste caso você terá de ir para norte para chegar a esta parte da cidade que muitos turistas ignoram.

 

Esta é a área de negócios e actividade econômica atual e onde ficam os melhores hotéis da cidade. Aqui também encontrará pontos de interesse, como a praça Marquês de Pombal e a praça de touros do Campo Pequeno, que antigamente tinha uma capacidade para 9.000 pessoas e hoje funciona como um shopping. A uma curta distância, encontrará o Parque Eduardo VII de 25 hectares, um lugar que definitivamente vale um passeio.

 

Nas extremidades do parque ficam outras atrações interessantes: o Centro de Arte Moderna José de Azeredo Perdigão (CAMJAP) e a Fundação Calouste Gulbenkian que expõe cerca de 6.000 peças de arte.

 

Tanto o centro histórico como o centro moderno lugares recomendados para ficar em Lisboa.

Hotel Vincci Baixa
Atlis Avenida Hotel Lisbon

Outras áreas para se hospedar em Lisboa

 

Também poderá considerar outras áreas para ficar em Lisboa. Recomendamos especialmente os bairros do Chiado e Bairro Alto, a oeste da Baixa, e a área do Parque das Nações.

 

Chiado e Bairro Alto

 

A oeste da Baixa ficam o Chiado e o Bairro Alto, uma área caraterizada pela elegância e luxo, mas também por ser a mais boêmia, havendo quem lhe chame a "Montmartre de Lisboa”. Você poderá chegar daqui ao centro histórico pegando o bonde 28 na Praça Luís de Camões, que é a fronteira entre o Chiado e Bairro Alto.

 

O Parque das Nações

 

O Parque das Nações de Lisboa, onde foi recebida a Expo Mundial de 1998, tem alguns marcos da vida cultural da cidade. Antes da “revolução” de 1998, esta era uma área industrial deixada ao abandono. Hoje em dia, aqui poderá contar com um museu moderno da ciência e tecnologia com várias exposições interactivas, um teleférico que transporta os visitantes de uma ponta a outra do parque, ou mesmo a Torre Vasco da Gama, o edifício mais alto de Lisboa.

 

Aqui ficam também a Estação do Oriente e o Pavilhão Atlântico, onde se realizam grandes eventos desportivos e shows musicais. Encontrará nesta área o maior espaço de feiras de Lisboa, o shopping Vasco da Gama e o Oceanário, o segundo maior aquário da Europa com mais de 15 mil animais e plantas.

O QUE É A SUA ÁREA PREFERIDA?


DESTINOS EM DESTAQUE