AS MELHORES ÁREAS DOS MELHORES DESTINOS

ONDE FICAR EM LONDRES

Onde ficar em Londres

Melhor região para se hospedar em Londres

A melhor região para se hospedar em Londres para uma visita turística é o centro da cidade, que coincide com a zona 1 da rede de metrô. Do ponto de vista do transporte ferroviário, Londres está dividida em 9 zonas radiais, que começam no centro com a zona 1. É justamente nessa zona centro que se encontram a maioria dos principais atrativos turísticos de Londres, como a Trafalgar Square, a Leicester Square, o Big Ben, o Parlamento e Abadia de Westminster.

 

A zona 1 inclui basicamente os distritos City of London e Cidade de Westminster, onde ficam as mais populares áreas de lazer e compras. City of London é o bairro mais antigo da cidade e, atualmente, um dos mais movimentados por sediar a parte financeira da cidade. Por seu lado, o West End, dentro do distrito Cidade de Westminster, é o lugar de residência das elites da cidade, famoso por ser a zona dos teatros e conter a praça Picadilly Circus, ponto de encontro dos londrinos.

 

Sem dúvida, a melhor região para ficar em Londres é a zona 1, a mais central da capital.

HOTÉIS COM MELHOR LOCALIZAÇÃO EM LONDRES
Hotel   PREÇO POR NOITE
Lidos Hotel
43-45 Belgrave Road
110€ - 123$
ibis London Blackfriars
49 Blackfriars Road
145€ - 162$
Motel One London-Tower Hill
24-26 Minories
149€ - 167$
Hotel   PREÇO POR NOITE
The Chesterfield Mayfair
35 Charles Street
231€ - 259$
Club Quarters Hotel, St Paul's
24 Ludgate Hill
251€ - 281$
The Montague On The Gardens
15 Montague Street
504€ - 564$
Hotel   PREÇO POR NOITE
Hotel 41
41 Buckingham Palace Road
383€ - 429$
Haymarket Hotel
1 Suffolk Place
493€ - 552$

 

Se você está interessado em saber onde ficar em Londres, também poderá estar interessado em saber onde ficar em Edimburgo e onde ficar em Dublin.

O centro de Londres, a melhor região para se hospedar

 

A capital britânica conta com a Cidade de Londres e 32 bairros. Para uma visita a Londres o melhor é ficar no centro, onde está a principal zona comercial e de entretenimento. A zona 1 abrange parte do distrito de Cidade de Westminster e City of London, onde, por sua vez, podemos encontrar os bairros mais animados e com mais oferta para os visitantes, entre os quais se destaca West End, Westminster e Soho.

 

West End é a área urbana de Londres, incluída em Cidade de Westminster, que é famosa por acolher vários atrativos turísticos e por ter a maioria dos teatros da cidade. Entre os destaques desta região está o ambiente animado de suas praças, como a Trafalgar Square. Este é o lugar preferido dos londrinos para manifestações e celebrações, incluindo a famosa noite do Réveillon. A Trafalgar Square abriga a National Gallery, o principal museu de arte em Londres, com mais de 2 mil e 300 pinturas.

 

Lá encontramos também Piccadilly Circus, repleta de centros comerciais e porta de entrada para o animado bairro do Soho, com seus teatros, cinemas, baladas e restaurantes. O Soho é conhecido como o centro vital dos prazeres e do espírito. Desde a sua criação, no final do século 17, os teatros, cinemas boates e restaurantes fizeram desta região uma das mais animadas durante o dia e a noite.

 

Atualmente é uma zona cheia de lojas de discos, galerias, casas comunitárias, cafés e lojas vintage. Tem também grandes edifícios oficiais e vielas estreitas. É ainda o principal bairro gay de Londres, e é em torno da Old Compton Street que se concentram inúmeros negócios orientados para este público.

 

Westminster fica no distrito de Cidade de Westminster, rodeado por Vauxhall, Millbank, St. James's, Covent Garden, Lambeth, Belgravia, Mayfair, Pimlico, West End, Nine Elms, Lambeth e Wandsworth. Esta região constitui o centro do poder político e religioso da Inglaterra há mais de mil anos. Nos dias da semana, as ruas desta zona do centro se enchem de trabalhadores, porque quase todos os escritórios administrativos estão localizados por aqui. Ao fim de semana, as ruas ficam desertas, com a exceção dos turistas que visitam os lugares históricos.

 

As principais atrações que se podem ver nesta região central de Londres são: as Casas do Parlamento e o Big Ben, símbolo da cidade londrina; A Abadia de Westminster, a igreja mais antiga e importante de Londres; o Horse Guards, onde se celebra a troca da guarda montada duas vezes ao dia, na Downing Street; a residência do primeiro-ministro desde 1732; e a Jewel Tower, a torre onde os reis guardavam suas joias mais valiosas.

 

Aqueles que não querem perder sua condição física, apesar de estarem de viagem, vão se encontrar a minutos de três das principais áreas verdes da cidade: o St. James’ Park, o Green Park e o Hyde Park, com circuitos de 5, 10 e 20 quilômetros.

 

Na zona 1 encontramos também os 2,6 quilômetros quadrados que compõem a Cidade de Londres, onde ficam os principais edifícios comerciais da cidade. Então, se você ficar por aqui precisa saber que durante os finais de semana muitos dos restaurantes e bares estão fechados. Também é conhecida como The Square Mile, por isso não deve ser confundida com a City of London, na hora de escolher onde se hospedar.

 

A este da região de Picadilly e St Jame’s e limitada a norte pelo Hyde, fica a área de South Kensington. Esta zona é a mais próxima do centro do elegante e cobiçado bairro de Kensington. A proximidade ao palácio de Kesington tem contribuído para que a área se mantenha fiel ao seu aspeto original e que seja, depois de Mayfair, a mais cara da capital. As lojas ultra-luxuosas de Knightbridge, com destaque para a Harrod, vão ao encontro dos abastados moradores do bairro. O Hyde Park a norte e alguns museus de tradição vitoriana no coração da região proporcionam aos visitantes uma combinação perfeita de paz e grandiosidade.

 

Na zona 1 do metrô também encontramos uma parte do bairro de Lambeth, o South Bank, do lado leste do rio Tamisa. Aqui há de tudo para todos, quer para uma primeira visita a Londres, ou para aqueles que vivem na cidade. É um centro de teatro, arte, música, literatura, cinema e dança. Além disso, aqui fica uma das principais atrações da cidade, a London Eye, assim como a famosa Galeria Hayward.

O QUE É A SUA ÁREA PREFERIDA?


DESTINOS EM DESTAQUE